Twitter Facebook

CUT CONTICOM > LISTAR NOTÍCIAS > DESTAQUES > SINDICATO MARRETA IMPLEMENTA CAMPANHA CONTRA COVID-19

Sindicato Marreta implementa campanha contra Covid-19

23/09/2020

Diálogo com as empresas e conscientização dos trabalhadores fazem parte da agenda sindical

Escrito por: Redação CONTICOM

                Pernambuco - O Sindicato Marreta está percorrendo os locais de trabalho e implementando uma Campanha para aumentar as medidas de proteção aos trabalhadores e trabalhadoras frente à pandemia do novo coronavírus. Dentre as ações, está o diálogo com as empresas para a ampliação das medidas que garantem distanciamento e condições adequadas para higienização das mãos, e conscientização dos trabalhadores sobre os perigos trazidos pela pandemia e a necessidade de respeitar as medidas implementadas pelas empresas.

                Temas como o aviso imediato à empresa em caso de sintomas ou contágio na família e direito de afastamento do trabalho são amplamente divulgados pelo Sindicato. Um panfleto contendo as principais orientações é distribuído em cada visita, que segundo as lideranças sindicais, são realizadas obedecendo os protocolos de prevenção à Covid-19.

Atividades da ICM e CUT reforçam mobilização contra o coronavírus

                A dirigente do Sindicato, Dulcilene Moraes, informou que a entidade vem participando de seminários e cursos promovidos pela Federação Global dos Trabalhadores da Construção e Madeira, ICM, e pela Central Única dos Trabalhadores, CUT,  que tratam dos impactos da pandemia do novo coronavírus para a classe trabalhadora e buscam mobilizar as entidades sindicais para implementação de campanhas com vistas à prevenção nos locais de trabalho.  “A CUT e a ICM estão bastante preocupadas com os impactos da pandemia para os trabalhadores e trabalhadoras. Não se trata apenas de preservação de empregos, mas também da preservação da vida da população trabalhadora”, avaliou Dulcilene.

                Para Reginaldo Ribeiro, presidente do “Marreta”, é preciso somar esforços e entender que a pandemia ainda não passou. “O que vemos em algumas regiões do país, é o retorno do aumento de casos e de mortes. Temos que aceitar que a pandemia não passou e não há previsão de quando o risco de contágio vai, de fato, diminuir. Com isso, o movimento sindical precisa unir esforços junto às categorias e empresas sobre a importância das medidas de prevenção, pois elas são a única alternativa para o momento. Não podemos relaxar, sob pena de ter de passar por uma nova quarentena”, ressaltou o sindicalista.

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

Nome:
E-mail:
Título:

BOLETIM: MP 936 CUT Nacional Carilha Nova NR 18 CONTICOM NA LUTA CONTRA O CORONAVÍRUS Brasil Atual
NEWSLETTER

Digite seu e-mail para receber nossos informativos


CONTICOM

Rua Caetano Pinto nº 575 CEP 03041-000 Brás, São Paulo SP | Telefone (0xx11) 3330-3668 - Fax (0xx11) 3330 3669